PRAGA

A cidade de Praga é como um filme, onde tudo é perto e tem iluminação perfeita. Mais de uma década depois do fim do comunismo, Praga está bem mais preparada para receber turistas que nos primeiros anos. Virou celebridade. Mas merece, como poucas, a fama que tem.

Praga

Beleza. Esta é de facto uma nota dominante em toda a relação que se mantém com Praga. Não se limita à beleza que o turista espera habitualmente, reflectida em monumentos e locais famosos. Não. A estética é levada muito a sério pelos checos, que colocam um imenso esmero em tudo o que tocam, no sentido de o tornar bonito. E depois, a beleza natural, presente nos parques, jardins e florestas de Praga.
Praga é uma das capitais imperiais da Europa. Muita História se fez por aqui, e isso sente-se. Durante séculos a nossa civilização gravitou em redor destas grandes cidades da Europa Central. Figuras de projecção mundial, como Einstein e Kafka pisaram estas ruas de Praga, que se mantiveram inalteradas ao longo dos séculos.

Praga é um dos dez destinos turísticos à escala mundial. Ou seja, é notoriamente interessante. Pense assim: se toda esta gente, proveniente de países dos cinco continentes e com um substracto cultural distinto, escolhe Praga, então alguma razão existirá. Além disso, este extenso mercado beneficia o turista nos mais pequenos detalhes: é fácil encontrar informações sobre Praga, existe uma extensa estrutura vocacionada para o turismo, o Governo mantém um controle estricto sobre os agentes turísticos locais. Mas atenção… tente evitar a “manada”. Talvez vindo fora da época alta, ou talvez percorrendo percursos mais alternativos.

MONUMENTOS MAIS IMPORTANTES DE PRAGA

A CAPELA DE BETLEMSKA

A igreja de Betlemska é famosa. Na sua antecessora, pregou Jan Hus, o paladino reformista que os checos tendem a ver como um herói nacional. Encontra-se no centro de Praga, na zona mais antiga e nobre da cidade. Mas existe uma outra igreja de Betlemska, um pouco mais afastada, sendo um dos segredos mais bem escondidos da capital checa.
A capela de Betlemska, em Praga pertencente à Igreja Evangélica, foi construída no inicio do século XX. O autor to projecto foi o arquitecto Emil Kralicek, que combinou elementos cubistas com Arte Nouveau tardia. Em 1913 foi dada autorização para a construção do santuário, e no ano seguinte, a 29 de Junho, ocorreu a estreia solene. Em 1938 a paróquia da aldeia suiça de Balgach doou um sino à capela Betlemska, o que resultou na construção de uma torre sineira e de uma sacristia, num projecto do arquitecto Bohumir Kozak. Na década de 70 a capela correu perigo de demolição, durante a vasta campanha de renovação urbana do bairro de Zizkov. Mas o bom do padre Frantisek Potmesil conseguiu salvar o edíficio, que foi classificado como monumento cultural. Enfim, uma pérola a que poucas pessoas têm acesso. Certamente não muitos locais conhecem esta pequena igreja, e o número de estrangeiros que a visitam será muito reduzido.

A CAPELA DE BETLEMSKA

CASTELO DE PRAGA

O Castelo de Praga fortificado na colina Hradcany, é actualmente residênciado Presidente da República e conforme o Guinness World Records Book, é o maior castelo do mundo.
Dentro do conjunto do castelo encontra-sea Catedral de São Vito. Esta, construída em estilo gótico, é o edifício mais antigo do castelo de Praga. Evidenciamos o seu sino de 17 toneladas, os vitrais e a fachada que recordam a NotreDame de Paris.
No castelo encontramos também a Torre da Pólvora, um dos mais valiosos monumentos arquitectónicos da cidade de Praga.

Castelo de Praga

PRAÇA STARE MESTO (CIDADE VELHA)

A Staré Město (Cidade Velha) é uma praça em pleno centro da cidade de Praga, ideal para descansar nas diversas esplanadas ali existentes, na companhia de uma visão panorâmica de edifícios repletos de história. Aqui encontra-se, entre outros, a Igreja Týnský, em estilo gótico, construída no século XIV, na qual está o túmulo do astrónomo TychoBrahe.

RUA DE OURO

A Rua de Ouro, dentro do castelo, é a mais visitada em Praga. O seu nome provém dos ourives que a habitaram, durante o reinado de Rodolfo II. Existe uma lenda de que os seus primeiros habitantes eram alquimistas em busca da fabricação de ouro mas na realidade eram casas de joalheiro e dos científicos e astrólogos que formavam parte da corte do Rei. Franz Kafka, o famoso escritor de Praga, viveu lá em 1916 no número 22.

Rua de Ouro

PONTE CARLOS

Entre as numerosas pontes que atravessam o rio Vlatva está a famosa Ponte Carlos, que liga a Cidade Velha ao Castelo de Praga. A Ponte de Carlos IV é possivelmente o monumento mais importante e conhecido de Praga. Construída no século XIV em estilo gótico tardio, está decorada com 30 estátuas, que comemoram as vidas de santos e personagens importantes da vida checa. Nos seus extremos duas torres, a da pólvora e a da ponte.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>